SIMPÓSIO 22 – QUESTÕES SEMÂNTICO-SINTÁTICAS NA PESQUISA E NO ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA

Coordenadores: 

Darcilia Simões - Universidade Estadual do Rio de Janeiro - darcilia.simoes@pq.cnpq.br
Paulo Osório - Universidade da Beira Interior - pjtrso@ubi.pt

Resumo: 

Com a meta de promover reflexões sobre a pesquisa e o ensino da língua portuguesa em contextos diferenciados, conclamamos docentes-pesquisadores a apresentarem relatos de práticas pedagógicas bem sucedidas ou projetos de pesquisa (concluídos ou em desenvolvimento) cujo foco seja a acomodação semântico-sintática das formas da língua. Percebem-se, em especial na fase de produção das dissertações e teses, significativas dificuldades na seleção vocabular, por conseguinte, na estruturação sintática dos enunciados. Privilegiando perspectivas semióticas, funcionais ou semiótico-funcionais, pretende-se discutir e buscar caminhos para aperfeiçoamento não apenas da descrição linguísticas, mas em especial das estratégias de ensino da língua portuguesa, observando a indispensável contextualização segundo a relação sociopolítica: língua materna (L1), língua estrangeira (L2) ou língua adicional (L2E) e os gêneros textuais.

Palavras-chave: Língua portuguesa – Semântica e Sintaxe - Seleção vocabular – Pesquisa – Ensino.

Minibiografias: 

Coordenador 1: Darcilia Simões é PROCIENTISTA. Professora Associada de Língua Portuguesa do Instituto de Letras – DEPTO LIPO – UERJ — 40h/DE). Pós-doutora em Linguística (UFC, 2009) e em Comunicação & Semiótica (PUC-SP, 2007); Doutora em Letras Vernáculas (UFRJ, 1994), Mestra em Letras (UFF, 1985). Coordª do LABSEM-UERJ e das Publicações Dialogarts. Lidera o GrPesq Semiótica, Leitura e Produção de Textos (SELEPROT). Coordena o GT EAPLA (ANPOLL). Autora (dentre outros) de Considerações sobre a fala e a escrita. Fonologia em nova chave. São Paulo: Parábola, 2006; título que hoje integra o Programa Nacional das Bibliotecas Escolares PNBE-MEC. URL: http://wwww.darciliasimoes.pro.br

Coordenador 02: Paulo Osório é Licenciado em Português, Latim e Grego pela Faculdade de Letras da Universidade Católica Portuguesa (1994), Mestre em Linguística Portuguesa pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (1998) e Doutor em Letras (Linguística Portuguesa) pela Universidade da Beira Interior (2002), tendo sido, em 2009, aprovado em Provas de Agregação no ramo de Letras (Linguística Portuguesa) na mesma Universidade. Tem desenvolvido investigação em Linguística Histórica e em Aquisição e Aprendizagem de L2 e tem, nesses domínios, orientado inúmeras dissertações de Mestrado e de Doutoramento. Atualmente, é Professor Associado com Agregação da Faculdade de Artes e Letras da Universidade da Beira Interior (Covilhã, Portugal) e Presidente do Departamento de Letras da mesma instituição