SIMPÓSIO 43 - MATERIAIS DIDÁTICOS DE PORTUGUÊS COMO LÍNGUA NÃO-MATERNA: ENTRE ORIENTES E OCIDENTES

Coordenadores: 

Xu Yixing – Universidade de Estudos Internacionais de Xangai – catarinaxu@shisu.edu.cn
Roberval Teixeira e Silva – Universidade de Macau & AILP – robts@umac.mo

Resumo: 

A elaboração/escolha de materiais didáticos de português como língua não-materna (PLNM) tem sido uma questão que preocupa os docentes de português que atuam em diferentes contextos com diferentes públicos. Essa preocupação ganha dimensões ainda mais profundas especialmente em contextos que envolvem estudantes/professores asiáticos por causa das particularidades do ambiente e das chamadas culturas de ensino-aprendizagem de PLNM. Por um lado, há uma carência marcante de materiais com propostas diversificadas no mercado mundial e, particularmente, no mercado asiático. Por outro lado, muitos materiais disponíveis ainda trazem concepções de língua e de produção de conhecimento que não levam em conta os contextos de interação. Nesse sentido, esse simpósio se abre para investigações acadêmicas e experiências docentes que reflitam, com base em contextos gerais e especialmente em contextos asiáticos, sobre:

- concepções de linguagem apresentadas nos materiais mais recentes de PLE;
- concepções de como o conhecimento é produzido a partir das sugestões didáticas desses materiais;
- relações entre os materiais (importados e locais) e o contexto sociocultural onde são usados;
- interrelação entre os materiais e as culturas de ensino-aprendizagem de diferentes comunidades de prática;
- o papel e o lugar dos materiais na interação de sala de aula;
- a formação dos profissionais envolvidos na escolha e na producão de materiais (secretários de educação, diretores de escolas, supervisores, coordenadores, professores);
- conceitos como metodologia, método e princípios na orientação da escolha e da produção de materiais;
- teorias linguísticas e produção de material de PLNM;
- os materiais produzidos exclusivamente para contextos em que estejam envolvidos professores e/ou alunos asiáticos (dentro e fora de espaços da Ásia, como os de imigração, por exemplo);
- a (im)propriedade da produção de materiais voltados para públicos específicos, como os chineses por exemplo, em um mundo globalizado e superdiverso.

PALAVRAS-CHAVE:   Material didático, ensino-aprendizagem, PLNM, cultura, interação

Minibiografias: 

Coordenador 01: Xu Yixing
Diretora do Departamento de Português e docente de PLNM na Universidade de Estudos Internacionais de Xangai, doutoranda em Linguística do Texto da Universidade Nova de Lisboa, autora de vários materiais didáticos para aprendentes chineses de PLE, tais como Curso de Português para Chineses 1-3, 100 Frases em Português, 300 Frases em Português, entre outros, e tradutora de vários livros como 900 Frases Coloquiais em Chinês (Chinês-Português), Formação Econômica do Brasil (Português-Chinês), etc. 
 
Coordenador 02: Roberval Teixeira e Silva
Professor e pesquisador do Departamento de Português da Universidade de Macau. Desenvolve estudos nos quais focaliza interações em contextos institucionais, como a escola, e não-institucionais, analisando a linguagem como o lugar da construção do mundo sociocutural.